quinta-feira, junho 30, 2011

Reflexão



A situação dos que ficam
é sempre mais triste
do que a dos que partem.
    Partir é um movimento que se dissipa,
e nada distrai as pessoas que ficam.


Crianças Cristal e Suas Características

As crianças CRISTAL são recém-chegadas ao planeta (cada vez em maior número). No entanto, sempre existiram, ainda que em pouca quantidade (Jesus Cristo foi uma delas). As crianças cristal são os chamados pacificadores, pois trazem atributos de paz e equilibrio para poder continuar o trabalho começado pelas crianças índigo. Ambas as crianças representam um desafio para a sociedade, especialmente para os pais. A forma de tratá-las vai ter de mudar, os pais e os educadores têm de adotar novas formas de ser, para lidar corretamente com as crianças da nova vibração.
Segue-se um texto sobre os atributos de uma criança cristal - de Sharyl Jackson - traduzido para o castelhano por J. M. Piedrafita Moreno e para o português pela autora:
"Que sabemos das crianças da vibração de cristal? Por um lado, sabemos bastante. Por outro, nada sabemos de muito concreto. Como as próprias crianças, a informação, neste momento, é muito etérica, muito sutil e pouca óbvia. A diferença dos seus irmãos e irmãs 'confrontadores' Índigo, as crianças cristal não modificaram as coisas ... ainda. O 11 de setembro de 2001 foi um ponto decisivo, um sinal e uma porta de acesso para a próxima onda de crianças. A era das crianças cristal já chegou.
As crianças CRISTAL são provavelmente, em grande medida, as crianças (filhos) dos Índigo. Podem até ser índigo. Em uma conversa muito recente com Lee Carrol sobre os cristais, este declarou que são Índigo artistas. Ele pode ter razão realmente é o mesmo. O que realmente importa é que cada grupo ou subgrupo de crianças inspiradas pela unidade seja apoiado, e lhes seja permitido realizar seus trabalhos, seus propósitos divinos. Steven Rother (proprietário de Planetlightworker.com) e o seu grupo chamam essas crianças de os pacificadores, enquanto que os Índigo foram chamados de confrontadores de sistemas. As crianças indigo foram assim chamadas pela diferente cor de suas auras, o Índigo, que é a cor do terceiro olho, ou seja, do chacra frontal. Como são muito intuitivas, mentais, rápidas e se aborrecem facilmente, as crianças cristal, ao contrário, são chamadas assim não pela cor da sua aura, mas pela sua alta vibração. Talvez com o tempo se saiba que as crianças cristal são mais dominantes no chacra da coroa, o spectrum de cor violeta, e que sua aura é branca ou transparente.
Quando começaram a chegar as crianças cristal? Elas sempre existiram no planeta, porém era uma minoria que atuava como exploradores, apalpando o terreno, e a qual a humanidade não tratou muito bem. Como, por exemplo, aquele que ficou conhecido como Jesus, o Cristo. Com muita freqüência, esses exploradores eram assassinados, mas serviam o propósito de deixar sementes. Freqüentemente, diz-se que "cristal" e "Cristo" são palavras muito similares e, por esse motivo, têm uma definição parecida. Recordando o que foi dito, o leitor pode fazer uma boa imagem ou sentimento do que são as crianças cristal e para que vieram. Use suas habilidades intuitivas para sintonizar com a energia dessas crianças, criando uma unidade com elas, e o resultado no planeta será espantoso !
Com a chegada das crianças índigo, vimos um incremento dramático no número de crianças diagnosticadas como hiperativas ou com ADD peja comunidade médica. Já se escreveu muito sobre esse fenômeno, por isso, deixo essas explicações para os mais entendidos. No entanto, perguntavam-me como as crianças cristal seriam classificadas. Observando, que comecei a ouvir foi a palavra "autista". Agora estou bastante convencida de que veremos um crescimento dramático no número de crianças autistas. Estas são realmente as crianças cristal (ou índigo artisticos), tão sensíveis e vulneráveis ao mundo que as rodeia, que se escondem dentro de si mesmas, desconectando-se o mais que podem, até mesmo dos humanos, para sobreviverem em um mundo em que ainda não se encaixam. Voltando à pergunta sobre quando as crianças crístal começaram a cbegar aqui, podemos dizer que desde as últimas quatro décadas, mais ou menos. Uns quantos mais do que o normal começaram a encarnar para ancorar a energia. Pelo que tenho observado, foi um dos trabalhos mais duros do planeta, mas alguém tinha de fazê-lo, pois apenas alguns dos "grandes" se encarregaram do trabalho. Até então, não era garantido que o planeta pudesse estar preparado para as crianças de vibração cristal, mas o espaço tinha de ser criado, o caminho tinha de fazer-se, sementes tinham de brotar, de qualquer forma. E aqui estamos. no século XXI, tendo passado por todas as nossas provas, dando as boas-vindas a uma grande quantidade dessas crianças, de forma que, aparentemente, estamos preparados. Como reconhecer essas novas crianças ou poucos adultos cristal que, como precursores, ancoraram as energias necessárias? Não andam por aí causando estragos, vivem tranqüilamente em uma obscuridade relativa. Fazendo o melhor que podem para ficar no planeta. Tive o prazer e a honra, assim como também a frustração, de criar um desses pioneiros, uma das primeiras crianças cristal, que agora já é adulta.
Minha experiência pessoal, minha intuição e os conselhos dados pelo grupo foram u sados para recompilar uma lista de atributos das crianças da vibração cristal. Por favor, considerem que esses atributos não são todos inclusivos, nem toda a criança cristal exibe necessariamente todas essas qualidades. Extremamente sensíveis a tudo no seu meio ambiente: sons, cores, emoções negativas dos outros, cheiros, comida, produtos quimicos, a sensação de "estar vestido", violência, a dor de outros, consciência de grupo, freqüências eletromagnéticas, radiações solares.
Tão sensíveis que são profundamente vulneráveis, com muita intensidade e grande vulnerabilidade.
Devem passar um tempo sozinhas, não vivem bem em grupos e poucos entendem sua necessidade de solidão.
Devem entrar em comunhão com a Natureza e os elementos diariamente. O Espírito da Natureza os ajudará a equilibrar e a limpar todas as energias não harmoniosas que os afetam tão profundamente.
Simplesmente não entendem "a desumanidade do homem contra o homem", a guerra, a avareza, etc .. e podem sentir-se facilmente sufocadas com tudo isso. Retrair-se, desconectar-se, proteger-se se a vida é demasiado intensa, se eles se traumatizam ou vêem ou sentem outros traumatizados.
Normalmente são tranqüilos, os outros os admiram e se sentem atraídos por eles como um imã. Terão profundas e longas relações com humanos que lhes ofereçam o amor incondicional que os cristal sabem que é o único amor verdadeiro.
Quando um cristal olha para você, é como se tivesse penetrado dentro da sua alma.
Raramente necessitam ser tratados como uma criança tradicional pois são gentis, prudentes e capazes de dizer o que necessitam, o que é bom ou o que não é bom para eles. Quando o meu filho era muito pequeno, disse um dia: "Eu não posso beber álcool ou tomar drogas", e ele jamais tomou nada disso.
Com freqüência evitarão multidões ou centros comerciais. Demasiadas energias diferentes os incomodam.
Sentem um amor profundo pelas crianças e pelos animais. Têm uma forma extraordinária de conectar-se com todas as criaturas.
A água é muito benéfica para limpá-los e acalmá-los: banhos freqüentes, duchas diárias, cascatas, fontes, brincar com a água e a areia.
Requerem roupas confortáveis, à sua escolha, em cores e fibras naturais. Precisam de muita água pura e com freqüência preferem alimentos orgânicos frescos.
Antes de nascer, com freqüência, disseram a seus pais seu nome, como se o ouvissem em pessoa.
Milagres e magia ocorrem à sua volta: aparece dinheiro, os animais o procuram, os bebês lhes sorriem, curas ocorrem naturalmente.
São extremamente empáticos, ao ponto de saber o que um desconhecido está sentindo.
Sentem medo de intimidar porque se sentem invadidos, e não respeitados muito facilmente. Preferem ficar sozinhos a ter o seu "espaço pessoal corporal" descuidado. Também evitam relações românticas por medo de ferir o outro se a relação terminar.
Há uma inocência, uma falta de malicia, uma pureza, graças à ausência de ego nos cristal.
Podem necessitar de ajuda para aprender a conectar sua energia. Pode ser feito por meio de atividade fisica. Natureza, esportes, artes marciais, ioga ou dança.
Podem estragar aparelhos elétricos, rádios, televisões, computadores. Abstêm-se de mostrar emoções por medo da sua amplificação e perda de controle, pois podem parecer passivos ou sem sentimentos.
Podem sentir-se responsáveis porque alguém morreu, ou está ferido, ou, ainda, discutindo.
Podem ter, e provavelmente tiveram, periodos de depressão profunda. Respondem bem ao trabalho corporal à massagem ou ao trabalho energético realizado por alguém que está equilibrado. Massagens craneo-sacrais podem ser cruciais para manter seus corpos saudáveis e sem dor.
Com freqüência têm um metabolismo alto e são naturalmente vegetarianos. Inteligentes, vêem todas as possibilidades com um entendimento instintivo das leis espirituais, de como funciona tudo.
Têm uma conexão limpa com o seu eu superior, ascedendo naturalmente ao seu guia superior. É por isso que sabem a verdade da unidade espiritual. Curadores e pacificadores natos, com muitas habilidades, são capazes de regenerar os ossos e a pele.
Quando muitos de nós formos, gradualmente, renovados, ascenderemos à energia cristal que já está no DNA.
Podem ser pessoas de muito poucas palavras, mas todos os escutam, quando tranqüilamente expressam sua sabedoria com humildade. No entanto, não darão conselhos sem que lhes tenham sido pedidos e nunca interferirão."
Apresentamos, agora, de uma forma mais esquematizada e sintética, as diferenças significativas identificadas entre as crianças índigo e as cristal. Essas últimas têm revelado uma sensibilidade muito acentuada e, portanto, é necessário observar atentamente para, no futuro, não virem a sofrer danos psicológicos e emocionais, já que se assustam e, às vezes, até se atemorizam com a violência fisica: são também propensos a contrair alergias, "sensiveis a campos eletromagnéticos, entre outras coisas"...








Outros autores salientam que as crianças e os adolescentes de vibração cristal, em geral, podem apresentar ainda algumas das seguintes características:
* São tranqüilos, pacíficos (têm mesmo uma função pacíficadora), gentis, construtores.
* Apresentam,às vezes, capacidades telepáticas. Possuem uma força interior extraordináría.
* Lideram por meio do exemplo, são construtivos, e não têm o hábito de denunciar o que está errado, como os índigo.
* Testam seus limites psíquícos.
* Calam-se e afastam-se quando há conflítos. Têm tendêncía a evitar confrontações e arrelias.
* Falam com poucas palavras, mas o que dizem tem profundídade, e só dízem o que pensam se lhes pedem.
* Irradiam paz e tranqüilidade.
* São bastante afetuosos com os outros e percebem suas necessidades, embora geralmente não gostem de ser abraçados.
* Harmonizam naturalmente a energia que os rodeia.
* São menos robustos do que os índigo e são mais vulneráveis emocionalmente. Com eles não se pode brigar.
*Suas características podem ser confundidas com o autismo, por serem, às vezes, muito introvertidos e pouco sociáveis, sobretudo se percebem que não são compreendidos.
* Revelam possuir habilidades psíquicas desde que nascem.
* São extremamente sensíveis a tudo o que é o seu meio ambiente: sons, ruídos desagradáveis, cores, emoções negativas nos outros, cheiros, comida, produtos químicos, violência, a dor dos outros, consciência de grupo, freqüências eletromagnéticas, raíos solares. Podem ligar ou desligar aparelhos elétricos, rádios, televisores, computadores, alguns aparelhos até podem ser queimados com a sua presença.
* Procuram passar bastante tempo sozinhos, não se sentem bem vivendo em grupo, pois poucos entendem a sua necessidade de solidão. Gostam de se comunicar com a Natureza.
* Não compreendem nem aceitam a falta de humanidade do homem para com o homem: guerra, avareza, perseguíção.
* Retraem-se, desligam-se ou desconectam-se para se proteger quando à sua volta o ambiente é demasiado violento, podendo ficar traumatizados.
* Ainda que normalmente sejam tranqüilos, as pessoas sentem-se atraídas por ele s como se fossem um imã. Têm grandes e profundas relações de amízade com pessoas que lhes oferecem amor incondiicional, o único amor verdadeiro.
* São gentis e prudentes, serão capazes de dizer aos outros o que eles necessitam, o que é bom para eles e do que precisam.
* Com freqüência evitam aglomerações de pessoas: centros comerciais, feiras, por haver demasiada concentração de energias diferentes. Antes de elas nascerem, os pais tiveram algum tipo de experiência psíquica com essas crianças.
* Milagres e magias acontecem ao seu redor. Até curas podem acontecer à sua volta, com naturalidade, porque são extremamente empáticos, até conseguem saber o que um desconhecido está pensando.
* Têm uma inocência e uma falta de malícia, uma pureza, graças à ausência de ego.
* Preferem abstrair-se a mostrar suas emoções, por receio de perderem o controle, podendo parecer passivos e sem sentimentos.
* Têm capacidade e facilidade para se ligar, ou conectar, com o seu eu superior e com o todo, ascendendo naturalmente ao seu guia interior; por ísso, sabem da existêncía da unidade espiritual.
* Possuem um bom equilíbrio dos dois hemisférios cerebrais, integrando as duas energias, a feminina e a masculina.
Segundo alguns autores há pessoas que integram, na mesma pessoa, as duas energias: Índigo e cristal. Elas podem ter uma mescla das duas energias, o que as faz mudar de comportamento conforme as situações. Não aceitam as regras culturais e só aprendem o que acham que é necessário. Têm, portanto, sua atenção centrada naquilo que para elas é essencial.
O silêncio é a melhor forma de se comunicar com uma criança ou um jovem cristal. O cristal é muito mais autônomo do que o Índigo, porque sua energia (se está equilibrada) lhe basta, e só aceita sua visão das coisas, porque sabe muito bem o que quer e o que é melhor para ele.
A solidão é muito apreciada pelos seres cristal, por isso, eles se afastam sem dar explicações, por necessitarem desses momentos de silêncio e solidão para se equilibrar e se centrar interiormente. Quando percebem que os outros querem usufruir de sua energia, limitam-se a desaparecer sem qualquer explicação.
Eles nada fazem para mudar as situações e muito menos as pessoas, respeitam os outros, mas exigem que os respeitem também. Por isso têm, às vezes, uma raiva contida que lhes pode trazer muitos problemas na relação com os outros, já que não perdem tempo com explicações do que pensam ou do que acham que está mal, mas sentem tudo muito intensamente, no seu intimo e na sua sensibilidade.
Entre irmãos (ou entre amigos), se um tem mais características Índigo e o outro, cristal: o Índigo tem tendência natural para proteger o cristal. Os Índigo vivem para o exterior, para fora, enquanto que os cristais são naturalmente espirituaís, já que vivem para o seu interior, para dentro de si. Têm percepções, intuições e captam muito mais questões relacionadas com a espiritualidade.
É verdade que não existem características ou padrões definitivos, muito menos rígidos, e nesse amálga ma que é, neste momento, a evolução humaana, podem existir pessoas com algumas características Índigo e outras cristal e, no entanto, não se considerarem ainda um Índigo puro ou um cristal puro. Essas características surgem cada vez mais e, em pouco tempo, poderemos ser todos habitantes de um planeta Índigo. Os cristal têm uma aura transparente que nã o se vê nesta dimensão, há quem lhes chame cristal exatamente por isso. Dai que a dominância será certamente a cor Índigo, já que a cor do cristal não predomina.
Para concluir o tema das crianças cristal (embora a informação surja constantemente, por ser um assunto bastante recente), deixamos a vocês a experiência de J. Piedrafita Moreno e o seu primeiro enc ontro com uma criança cristal:
"Já tinha ouvido falar d as crianças de vibração cristal, que eram o nosso passo seguinte na escala evolutiva hu mana, e que os indigo preparavam o terreno para a sua chegada.
A informação que eu tinha se referia a 2012. A minha intuição ultimamente me dizia que tudo acontecia mais rapida mente e uns dias atrás encontrei um artigo sobre eles. Deixei correr sem investigar muito.
Ontem, por 'casualidade', depois de dar uma pequena palestra sobre crianças índigo e sua educação, fomos a um café. Estávamos tomando algo quando um bebe de mais ou menos 1 ano de idade entrou, sentado em um carrinho empurrado por sua mãe. Foi como se tivesse entrado um Buda: puro e cheio de felicidade, irradiava paz.
Sendo eu um indigo, não o reconheci como tal, a primeira coisa que me veio à cabeça foi: 'criança cristal'. Sua vibração não era como a dos indigo, que rompe e muda sistemas. Era uma vibração que equilibrava e harmonizava tudo à sua volta. Sua aura tinha uma densidade especial, etérea.
Pude passar com ele um bom tempo, e a sua vibração impregnou todo o meu ser, de uma forma que eu nunca tinha sentido antes: a sensação de felicidade perdurou durante um longo tempo.
Foi uma das experiencias mais bonitas de minha vida.
A vibração cristal está abrindo caminho, já se faz presente, trazendo a quinta dimensão até nós".


Tereza Guerra


Léa Cristina Ximenes
Facilitadora Universalista
E-mail: ximenes.andrade@gail.com
Skype: lea.seraphisbey
Fone: (13) 3477 9813


Leia o livro de Lee Carrol falando sobre Crianças Índigo. É só baixar o arquivo abaixo.
Crianças Índigo - Lee Carroll.

Fonte: http://fraternidadebranca-luzdanovaera.blogspot.com/2011/06/criancas-cristal-e-suas-caracteristicas.html

Sentindo-se ansioso? Fique alerta!

Quando você se sente ansioso, dominado pela ansiedade, que se deve fazer? O que você geralmente faz quando a ansiedade se faz presente? Você tenta resolvê-la. Você tenta alternativas e você fica cada vez mais envolvido nisso. Você irá criar uma confusão ainda maior porque ansiedade não pode ser dissolvida através do pensar.
Ela não pode ser dissolvida pelo pensar porque o próprio pensar é um tipo de ansiedade.
Esta técnica diz para não fazer nada com a ansiedade. Basta ficar alerta!
Vou lhe contar uma antiga anedota sobre Bokuju, outro mestre Zen. Ele vivia sozinho numa caverna, mas durante o dia, ou mesmo à noite, ele às vezes gritava, “Bokuju” – seu próprio nome, e então ele diria, “Sim, estou aqui”. E ninguém mais estava lá.
Então seus discípulos costumavam perguntar a ele, “Porque você está chamando ‘Bokuju’, seu próprio nome, e então dizendo, ‘Sim senhor, estou aqui’?”
Ele disse, “Sempre quando começo a pensar, tenho que me lembrar de ficar alerta, e assim chamo meu próprio nome, ‘Bokuju’. Na hora que chamo ‘Bokuju’ e digo, ‘Sim senhor, estou aqui’, o pensar, a ansiedade desaparece”.
Então, nos seus últimos dias, por dois ou três anos, ele nunca mais chamou “Bokuju”, seu nome, e nunca teve que responder, “Sim senhor, estou aqui”.
Os discípulos perguntaram, “Mestre, agora você não faz mais isso”.
Então ele disse, “Mas agora Bokuju está sempre presente. Ele está sempre presente, e não há necessidade. Antes eu costumava perdê-lo. Às vezes a ansiedade me tomava, me obscurecia completamente, e Bokuju não estava lá. Então eu tinha que lembrar ‘Bokuju’, e a ansiedade desaparecia...”
Tente seu nome. Quando você sentir uma profunda ansiedade, apenas chame seu nome – não “Bokuju” ou outro nome qualquer, mas seu nome – e então responda a isso, “Sim senhor, estou aqui”, e sinta a diferença.
A ansiedade não estará mais presente. Ao menos por um momento você terá um vislumbre além das nuvens, e o vislumbre pode ser aprofundado. Uma vez que você saiba que se você ficar alerta a ansiedade não está mais lá, ela desaparece; você chegou a um profundo conhecimento de seu próprio eu e do funcionamento de seu mecanismo interior.


Osho, em "The Book of Secrets"
Imagempor LarimdaME
 
Fonte: http://www.palavrasdeosho.com/2010/11/sentindo-se-ansioso-fique-alerta.html

O Ponto Negro


Certo dia, um professor entrou na sala de aula e disse aos alunos para se prepararem para uma prova relâmpago.
Todos se sentiram assustados com o teste que viria.
O professor entregou então, a folha com a prova virada para baixo, como era de costume...
Quando puderam ver, para surpresa de todos, não havia uma só pergunta ou texto, apenas um ponto negro no meio da folha.
O professor analisando a expressão surpresa de todos, disse: - Agora vocês vão escrever um texto sobre o que estão vendo.
Todos os alunos, confusos, começaram a difícil tarefa.
Terminado o tempo, o professorrecolheu as folhas, colocou-se na frente da turma e começou a ler as redações em voz alta.
Todas, sem exceção, definiram o ponto negro tentando dar explicações por sua presença no centro da folha.
Após ler todas, a sala em silencio, ele disse:
- Esse teste não será para nota, apenas serve de aprendizado para todos nós.
Ninguém falou sobre a folha em branco.
Todos centralizaram suas atenções no ponto negro.
Assim acontece em nossas vidas.
Temos uma folha em branco inteira para observar, aproveitar, mas sempre nos centralizamos nos pontos negros.
A vida é um presente de DEUS dado a cada um de nós, com extremo carinho e cuidado.
Temos motivos pra comemorar sempre.
A natureza que se renova, os amigos que se fazem presentes, o emprego que nos dá sustento, os milagres que diariamente presenciamos.
No entanto, insistimos em olhar apenas para o ponto negro.
O problema de saúde que nos preocupa, a falta de dinheiro, o relacionamento difícil com um familiar, a decepção com um familiar, a decepção com um amigo.
Os pontos negros são mínimos em comparação com tudo aquilo que temos diariamente, mas são eles que povoam nossa mente.
Tire os olhos dos pontos negros da sua vida.
Aproveite cada benção, cada momento que Deus lhe dá.
Creia que o choro pode durar até o anoitecer, mas a alegria logo vem no amanhecer.
Tenha essa certeza, tranquilize-se e seja feliz!!!


Fonte: http://saintgermanchamavioleta.blogspot.com/2011/06/o-ponto-negro.html

quarta-feira, junho 29, 2011

Como entender Cristo na Hóstia Consagrada - Por Prof. Felipe Aquino


Em todo ser há um conjunto de coisas que podem mudar, como o tamanho, a cor, o peso, o sabor, etc., e um substrato-permanente que, conservando-se sempre o mesmo, caracteriza o ser, que não muda. Esse substrato é chamado substância, essência ou natureza do ser. Em qualquer pedaço de pão, há coisas mutáveis: a cor, tamanho, gosto, o sabor, a posição, sem que a substância que as sustenta mude; esta substância ninguém vê; mas é uma realidade. Assim, há homens de cores diferentes, feições diferentes, etc; mas todos possuem uma mesma substância: uma alma humana imortal, que se nota pelas suas faculdades que os animais não tem: inteligência, liberdade, vontade, consciência, psique, etc.
Quando as palavras da consagração são pronunciadas sobre o pão, a substância deste se muda ou converte totalmente em substância do corpo humano de Jesus (donde o nome "transubstanciação"), ficando, porém, os acidentes externos (aparências) do pão (gosto, cor, cheiro, sabor, tamanho, etc.); sendo assim, sem mudar de aparência, o pão consagrado já não é pão, mas é substancialmente o corpo de Cristo.

O mesmo se dá com o vinho; ao serem pronunciadas sobre ele as palavras da consagração; sua substância se converte na do sangue do Senhor, pelo poder da intervenção da Onipotência divina.
Isto explica como o corpo de Cristo pode estar simultaneamente presente em diversas hóstias consagradas e em vários lugares ao mesmo tempo. Jesus não está presente na Eucaristia segundo as suas aparências, como o tamanho ou a localização no espaço. Uma vez que os fragmentos de pão se multiplicam com a sua localização própria no espaço, assim onde quer que haja um pedaço de pão consagrado, pode estar de fato o corpo eucarístico de Cristo.
Uma comparação: quando você olha para um espelho, aí você vê a imagem do seu rosto inteiro; se quebrá-lo em duas ou mais partes, a sua imagem não se quebrará com o espelho, mas continuará uma imagem inteira em cada pedaço.
É preciso, então, entender que a presença de Cristo eucarístico pode se multiplicar, sem que o Corpo de Cristo se multiplique. Isto faz que a presença do Cristo eucarístico se possa multiplicar (sem que o corpo de Cristo se multiplique), se forem multiplicados os fragmentos de pão consagrados nos mais diversos lugares da Terra. Não há bilocação nem multilocação do corpo de Cristo.
O corpo de Cristo sob os acidentes do pão não tem extensão nem quantidade próprias; assim não se pode dizer que a tal fragmento da hóstia corresponda tal parte do corpo de Cristo. Quando o pão consagrado é partido, só se parte a quantidade do pão, não o corpo de Jesus.
Assim muitas hóstias e muitos fragmentos de hóstia não constituem muitos Cristos - o que seria absurdo, mas muitas "presenças" de um só e mesmo Cristo. Analogamente a multiplicação dos espelhos não multiplica o objeto original, mas multiplica a presença desse objeto; também a multiplicação dos ouvintes de uma sinfonia não multiplica essa sinfonia, mas apenas a presença da mesma.
Por essas razões, quando se deteriora o pão eucarístico por efeito do tempo, da digestão, ou de um outro agente corruptor, o que se estraga são apenas os acidentes do pão: quantidade, cor, figura... ,e neste caso o corpo de Cristo deixa de estar presente sob os véus eucarísticos; isto porque Cristo quis que nas espécies ou nas aparências de pão e vinho, que Cristo quis garantir a sua presença sacramental, e não nas de algum outro corpo.
A fé católica ensina uma conversão total e absoluta da substância do pão na do corpo de Cristo; o Concílio de Trento rejeitou a doutrina de Lutero, que admitia a “empanação” de Cristo: empanação, segundo a qual permaneceriam a substância do pão e a do vinho junto com a do corpo e a do sangue de Cristo; o pão continuaria a ser realmente pão (e não apenas segundo as aparências), o vinho continuaria a ser realmente vinho (e não apenas segundo as aparências), de tal sorte que o corpo de Cristo estaria como que “revestido” de pão e vinho. Para o Concílio de Trento e, para a fé católica, esse tipo de presença de Cristo na Eucaristia é insuficiente; é preciso dizer que o pão e o vinho, em sua realidade íntima (substância), deixam de ser pão e vinho para se tornar a realidade mesma do corpo e do sangue de Cristo.
Assim como na criação acontece o surgimento de todo o ser, também na Eucaristia há a conversão de todo o ser. Esta “conversão de todo o ser” é “conversão de toda a substância” ou “transubstanciação”.
Assim como só Deus pode criar (tirar um ser do nada), só Deus pode “transubstanciar”; ambas as atividade supõem um poder infinito que só Deus tem.
Para entender um pouco melhor o milagre da Transubstanciação podemos dizer ainda o seguinte: No milagre da multiplicação dos pães, Jesus mudou apenas a espécie do pão (no caso a quantidade), mas não mudou a sua natureza, continuou sendo pão. Quando Ele fez o milagre das Bodas de Caná, mudou a natureza da água (passou a ser vinho) e mudou também a sua espécie (cor, sabor, etc); no milagre da Transubstanciação, Jesus muda apenas a natureza do pão e do vinho (passam a ser seu Corpo e Sangue) sem mudar a espécie (cor, sabor,cheiro, tamanho, etc.)
Tudo por amor a nós; Ele, o Rei do universo, se faz pequeno, humilde, indefeso... nas espécies sagradas do pão e do vinho, para ser nosso alimento, companheiro, modelo, exemplo, força, consolação...


Data Publicação: 05/12/2006

http://www.cleofas.com.br/virtual/texto.php?doc=SACRAMENTO&id=s...


Eucaristia



Eucaristia (do grego εὐχαριστία, cujo significado é "reconhecimento", "ação de graças") é uma celebração em memória da morte sacrificial e ressurreição de Jesus Cristo. Também é denominada "comunhão", "ceia do Senhor", "primeira comunhão", "santa ceia", "refeição noturna do Senhor".

O ritual


O evangelista Lucas registrou esse mandamento da seguinte forma: "E, tomando um pão, tendo dado graças, o partiu e lhes deu, dizendo: Isto é o meu corpo oferecido por vós; fazei isto em memória de mim. Semelhantemente, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este é o cálice da Nova Aliança [ou Novo Pacto] no meu sangue derramado em favor de vós." (Lucas 22:19-20)
É a celebração nas Igrejas Cristãs no qual o cristão recebe o pão e o vinho, repetindo o que Cristo fez na sua Última Ceia, antes de ser entregue às autoridades por Judas Iscariotes, conforme a narração dos Evangelhos. Na ocasião, compartilhou com seus apóstolos pão e vinho, na época da celebração da Páscoa judaica (com pães ázimos), dizendo a eles "Tomai todos e comei, isto é o meu corpo que será entregue (...) Tomai todos e bebei, isto é o meu sangue (...) Fazei isto em memória de mim". (Mateus 26;26-29, Marcos 14:22-25, Lucas 22:19-20, I Coríntios 11:23-26).
Portanto, segundo os cristãos, o pão usado na celebração é o corpo sem pecado, que Cristo ofereceu na Cruz (em grego staúros) como resgate. O vinho é seu sangue derramado (ou seja, a sua vida perfeita), para remissão da humanidade condenada ao pecado herdado e morte.
A Bíblia não é específica sobre quando ou quantas vezes ao ano se deve celebrar a "Santa Ceia". Algumas religiões cristãs celebram-na diariamente ou semanalmente (católicos romanos, Casa de Oração-Irmãos), outros duas vezes ao mês (a maioria das denominações da Igreja Evangélica), outras mensalmente, bi-mensalmente, ou anualmente (Testemunhas de Jeová e Congregação Cristã).
A Eucaristia tem um profundo significado para os Cristãos, sendo celebrada por quase todas as denominações cristãs. Dentre aquelas que não realizam a Eucaristia estão os Quakers, Exército de Salvação, Molokans e Doukhobors.
A Última Ceia, de Leonardo da Vinci (1452-1519).

Igreja Católica



Na Igreja Católica, a Eucaristia é um dos sete sacramentos. Segundo o Compêndio do Catecismo da Igreja Católica[1], a Eucaristia é " o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que Ele instituiu para perpetuar o sacrifício da cruz no decorrer dos séculos até ao seu regresso, confiando assim à sua Igreja o memorial da sua Morte e Ressurreição. É o sinal da unidade, o vínculo da caridade, o banquete pascal, em que se recebe Cristo, a alma se enche de graça e nos é dado o penhor da vida eterna." (n. 271)
Segundo o papa João Paulo II, em sua encíclica Ecclesia de Eucharistia, a Eucaristia é verdadeiramente um pedaço de céu que se abre sobre a terra; é um raio de glória da Jerusalém celeste, que atravessa as nuvens da nossa história e vem iluminar o nosso caminho.[1] Ainda nessa encíclica, é chamada atenção para o fato significativo de que no lugar onde os Evangelhos Sinópticos narram a instituição da Eucaristia, o evangelho de João propõe a narração do lava-pés, gesto que mostra Jesus mestre de comunhão e de serviço[2]; em seguida o papa atenta para o fato de que mais tarde o apóstolo Paulo qualifica como indigna duma comunidade cristã a participação na Ceia do Senhor que se verifique num contexto de discórdia e de indiferença pelos pobres.[3]
Comungar ou receber a Comunhão é nome dado ao ato pelo qual o fiel pode receber a sagrada hóstia sozinha, ou acompanhada do vinho consagrado, especialmente nas celebrações de Primeira eucaristia e Crisma. Segundo o Compêndio, "Para receber a sagrada Comunhão é preciso estar plenamente incorporado à Igreja católica e em estado de graça, isto é, sem consciência de pecado mortal. Quem tem consciência de ter cometido pecado grave deve receber o sacramento da Reconciliação antes da Comunhão. São também importantes o espírito de recolhimento e de oração, a observância do jejum prescrito pela Igreja e ainda a atitude corporal (gestos, trajes), como sinal de respeito para com Cristo." (n. 291).
A transubstanciação do pão em Corpo de Cristo, na missa de canonização do Frei Galvão, em 11 de maio de 2007.
A Igreja Católica confessa a presença real de Cristo, em seu corpo, sangue, alma e Divindade após a transubstanciação do pão e do vinho, ou seja, a aparência permanece de pão e vinho, porém a substância se modifica, passa a ser o próprio Corpo e Sangue de Cristo.
Eucaristia também pode ser usado como sinônimo de hóstia consagrada, no Catolicismo. "Jesus Eucarístico" é como os católicos se referem a Jesus em sua presença na Eucaristia. "Comunhão" é como o sacramento é mais conhecido. As crianças farão a sua Primeira comunhão. "Comunhão Eucarística" é a participação na Eucaristia.
Também há uma adoração especial, chamada "adoração ao Santísisimo Sacramento" e um dia especial para a Eucaristia, o Dia do Corpo de Cristo (em lat. Corpus Christi). Segundo Santo Afonso Maria de Ligório, a devoção de adorar Jesus sacramentado é, depois dos sacramentos, a primeira de todas as devoções, a mais agradável a Deus e a mais útil para nós[4]. Para a Igreja, a presença de Cristo nas hóstias consagradas que se conservam após a Missa perdura enquanto subsistirem as espécies do pão do vinho.[5] Um dos grandes fatores que contribuíram para se crer na presença real de Cristo e adorá-lo, foram os "milagres Eucarísticos" em várias localidades do mundo, entre eles, um dos mais conhecidos foi o de Lanciano (Itália).
São João Crisóstomo destaca o efeito unificador da Eucaristia no Corpo de Cristo, que é identificado pelos cristãos como a própria Igreja: Com efeito, o que é o pão? É o corpo de Cristo. E em que se transformam aqueles que o recebem? No corpo de Cristo; não muitos corpos, mas um só corpo. De fato, tal como o pão é um só apesar de constituído por muitos grãos, e estes, embora não se vejam, todavia estão no pão, de tal modo que a sua diferença desapareceu devido à sua perfeita e recíproca fusão, assim também nós estamos unidos reciprocamente entre nós e, todos juntos, com Cristo.[6] João Paulo II ensinou que à desagregação enraizada na humanidade é contraposta a força geradora de unidade do corpo de Cristo.[7]
A Igreja Ortodoxa também professa a fé na transubstanciação, ou seja, na Presença Real de Cristo.
Segundo a igreja católica a consagração da Hóstia pode ser feita apenas por presbíteros(ou padres) ou por sacerdotes de maior grau hierárquico (bispos, cardeais, ou papa) os diáconos não ministram este sacramento.


Protestantismo


Dentro do protestantismo, cuja teologia remonta aos princípios da reforma e são influenciados por Lutero e Calvino, a Eucaristia é vista como um sacramento.
Nas igrejas Luteranas existe o entendimento da ceia como essência ou substância do corpo de Cristo, e não transformada no mesmo. A essa forma de entendimento dá-se o nome de consubstanciação.
A proposta de Calvino, em oposição a Lutero e Zwinglio, era que na ceia ocorria a presença de Jesus, não nos elementos, mas como co-participante e co-celebrante junto com os comungantes. A essa forma de entendimento dá-se o nome de presença real.
Na Igreja Anglicana, o entendimento é de um sacramento, independente de como o mesmo será entendido pelo comungante.
Por essa liberdade é permitida até mesmo o entendimento não sacramental da ceia.


Evangelicalismo


Dentro da teologia evangelical (ou evangélica) a Eucaristia é chamada geralmente por "Santa Ceia" ou "ceia do Senhor". Diferente das propostas dos outros reformadores, Zwinglio doutrinava que a ceia não podia promover efeitos espirituais, sendo apenas um símbolo e tendo como único efeito o de lembrança.
No século XVII, quando do surgimento da denominação batista, o seu fundador, John Smith, baseou-se, em relação à ceia, nos princípios disseminados por Zwinglio, assim concebendo a ceia apenas como um rito simbólico ordenado por Cristo cujo único efeito é de lembrar-se do mesmo.
A este tipo de entendimento dá-se o nome de "ceia memorial".


Testemunhas de Jeová


A celebração da morte de Jesus Cristo realiza-se anualmente pelas Testemunhas de Jeová, segundo o calendário judaico, em 14 de Nisã, após o pôr-do-Sol. É comumente chamada de Comemoração da Morte de Cristo.


Santos dos Últimos Dias


Entre os membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, o chamado Sacramento (simplificação de Sacramento da Ceia do Senhor) é partilhado semanalmente aos domingos durante a Reunião Sacramental e é o momento de maior relevância espiritual entre os serviços religiosos dominicais.
Partilham-se pão e água em lembrança do corpo e sangue de Jesus e o ritual é considerado uma renovação dos convênios batismais.


Referências
1. ↑ Encíclica Ecclesia de Eucharistia, Cap. I, 19
2. ↑ João 13, 1-20.
3. ↑ 1 Coríntios 11, 17-22.27-34.
4. ↑ Visitas ao Santíssimo Sacramento e a Maria Santíssima, Introdução: Obras Ascéticas (Avelino 2000), 295.
5. ↑ Cf. Conc. Ecum. de Trento, Sess. XIII, Decretum de ss. Eucharistia, cân. 4: DS 1654.
6. ↑ Homilias sobre a I Carta aos Coríntios, 24, 2: PG 61, 200; cf. Didaké, IX, 4: F. X. Funk, I, 22; S. Cipriano, Epistula LXIII, 13: PL 4, 384.
7. ↑ Encíclica Ecclesia de Eucharistia, Cap. II, 24.

* Encíclica Ecclesia de Eucharistia - João Paulo II
* Eucaristia – Solenidade de Corpus Christi


Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Eucaristia

Jesus Eucarístico se mostra real no mistéio da Santa Missa... na cidade de Lanciano...



A Santa Sé mandou fazer exames médicos com a Hóstia e o Vinho Consagrados que foi transubstanciado sem o véu do sacramento.


Resultado do Teste:


a - A carne é verdadeira carne.
b - O sangue é verdadeiro sangue.
c- A carne é do tecido muscular do coração (miocárdio, endocárdio, nervo vago).
d - A carne e o sangue são do mesmo tipo AB e pertencem à espécie humana. Obs: é o mesmo tipo de
sangue encontrado no Sudário de Turim.
e - Trata-se de carne e sangue de uma pessoa viva, pois que esse sangue é o mesmo que tivesse sido retirado, naquele mesmo dia de um ser vivo.
f - No sangue foram encontrados, além das proteínas normais, os seguintes minerais: cloretos, fósforos, magnésio, potássio, sódio e cálcio.
g - A conservação da Carne e do Sangue, deixados em estado natural por 12 séculos e expostos à ação de agentes atmosféricos e biológicos, permanece um fenômeno extraordinário.

Adoremos o Corpo e Sangue de Jesus

"Pois a minha carne é verdadeiramente uma comida e o meu sangue, verdadeiramente uma bebida". (Jo 6,55)

Miracolo Eucaristico di Lanciano - foto dal vivo.JPG

Milagre Eucarístico de Lanciano

O Milagre Eucarístico de Lanciano, ocorreu no século VIII, na cidade italiana de Lanciano - antigamente chamada de "Anciano".
Viviam no mosteiro de São Legoziano os "monges de São Basílio". Um deles, que se sentia atormentado pela dúvida na crença católica da transubstanciação, segundo a tradição, durante uma missa, viu a hóstia, no momento do ato da consagração, converter-se em carne viva e o vinho em sangue vivo. A Hóstia-Carne apresentava, como ainda hoje se pode observar, uma coloração ligeiramente escura, tornado-se rósea se iluminada pelo lado oposto, e tinha uma aparência fibrosa; o Sangue era de cor terrosa (entre amarelo e o ocre), coagulado em cinco fragmentos de formas e tamanhos diferentes. Inicialmente essas relíquias foram conservadas num tabernáculo de marfim e, a partir de 1713, até hoje, passaram a ser guardadas numa custódia de prata, e o Sangue, num cálice de cristal.

Documentação de reconhecimento científico do fenômeno


A partir de 1574, aos reconhecimentos eclesiásticos do milagre, acrescentaram-se pronunciamentos científicos. Em novembro de 1970 os Frades Menores Conventuais, sob cuja responsabilidade se encontravam as substâncias, submeteram-nas a análise científica que foi confiada aos Dr. Odoardo Linoli, Chefe de Serviço dos Hospitais Reunidos de Arezzo e Livre Docente de Anatomia e de Histologia Patológica e de Química e Microscopia Clínica e ao professor Ruggero Bertelli, emérito de Anatomia Humana Normal na Universidade de Siena.
Após uma série de análises e constatações, o parecer foi publicado em "Quaderni Sclavo di diagnostica clinica e di laboratório", 1971, fasc. 3, Grafiche Meini, Siena, dizendo que:
* A carne é carne verdadeira.
* O sangue é sangue verdadeiro.
* A carne seria do tecido muscular do coração (contém, em seção, o miocárdio, endocárdio, o nervo vago e, no considerável espessor do miocárdio, o ventrículo cardíaco esquerdo).
* A carne e o sangue seriam do mesmo tipo sangüíneo (AB) e pertencem à espécie humana.
* No sangue teriam sido encontrados, além das proteínas normais, os minerais cloreto, fósforo, magnésio, potássio, sódio e cálcio. As proteínas observadas no sangue teriam sido encontradas normalmente fracionadas em percentagem a respeito da situação seroproteínica do sangue vivo normal. Ou, seja, é sangue de uma pessoa viva.
* A conservação da carne e do sangue, deixados em estado natural por doze séculos e expostos à ação de agentes físicos, atmosféricos e biológicos constituiria um fenômeno extraordinário.
Supõe-se que o sangue "AB" é o tipo de sangue encontrado no Santo Sudário. Este tipo de sangue é muito comum no povo Judeu. Outro fato interessante é que os cinco fragmentos, ao serem pesados têm exatamente o mesmo peso, não importa a combinação com que se pese. Por exemplo, tanto faz pesar um, dois ou todos fragmentos juntos, eles têm o mesmo peso.
O Milagre Eucarístico de Lanciano é considerado um dos mais famosos milagres eucarísticos relatados pela Igreja Católica, porém não é o único: aproximadamente 130 milagres eucarísticos foram relatados. Conta-se que na cidade de Cássia, na Itália também já aconteceu um fenômeno parecido. Há relatos de que também tenha acontecido no Brasil, com o famoso Padre Cícero.




"Um bom Mestre faz com que as pessoas acreditem nele.
Um verdadeiro Mestre faz com que as pessoas acreditem Nelas.
OS MAIORES DOS MESTRES SÃO MÃE MARIA E JESUS CRISTO!"




Fonte: http://portaldosanjos.ning.com/group/rainhadosanjosearcanjos/forum/topics/como-entender-cristo-na-hostia

O MILAGRE EUCARÍSTICO DE LANCIANO

OS TRÊS DIAS DE ESCURIDÃO MARCARÃO AS PESSOAS QUE PERMANECEREM VIVAS - RAMATIS

Nota MM: Ler e padronizar as informações baseado em seus parâmetros e conhecimento de 3D, limitados por esta dimensão, não permite compreender a essência das mensagens que chegam a nós nas mais variadas linguagens. No caso desta, se observarmos atentamente a sua essência e não nos incomodarmos com a sua linguagem de linha espírita, e dirigida àqueles que não são sementes estelares, podemos aprender, e para os mais estudiosos, confirmar muitas informações que já chegaram a nós por outras fontes.



Parte 1


Queridas irmãs, filhas amadas, a paz seja convosco.
Lentamente o eixo da Terra movimenta-se para a total verticalização.
A vida cotidiana das criaturas sobre a Terra não se afetam, e mesmo nas grandes catástrofes, após os primeiros impactos dos cataclismos, a vida segue normal para aqueles que não se viram atingidos por perdas e danos.
Entretanto, paulatinamente, todos os povos do Planeta serão afetados pelas transformações do Globo, até que os seres humanos de todas as latitudes e longitudes terrenas estejam com as vidas completamente modificadas, não mais conseguindo retomar os seus afazeres rotineiros.
Naquela hora, a nuvem escura recobrirá os céus, e as populações sufocadas terão suas vidas ceifadas, devido ao despreparo de suas almas.
Os "Três Dias de Escuridão" marcarão profundamente as almas que permanecerem vivas no plano físico, porém, "os suicídios" centuplicar-se-ão.
A vida na matéria terá novo sentido, diferente daquilo que hoje cultivais: dinheiro, lazer e vícios.
Não importa, humanidade terrena, que acrediteis ou não. Contudo, vosso tempo esgota-se nesta dimensão.
A proximidade do "Astro Intruso" já é sentida, provocando nas criaturas a efervescência de suas más inclinações, pois basta uma fagulha de desentendimento para provocar o barbarismo entre seres humanos.
Milhares de almas, tocadas pela vibração primitiva do Astro Higienizador*, dão vazão aos seus instintos animais, mal contidos em seu íntimo. Para o Astro suas almas são atraídas, pois as Naves Espaciais em comboios têm levado para o exílio, no Planeta Primitivo, as criaturas que com ele sintonizam.
Irmãos, a pressão sobre os direitistas é crescente por parte dos seres contrários à Luz, pois a Besta do Apocalipse pressente sua derrota e tudo fará para permanecer na Terra e dominar sua humanidade.
Crendo ou não nesta realidade, as criaturas que possuem um certo grau de observação, já perceberam que algo anormal ocorre no Planeta e com seus irmãos de humanidade, tendenciosos às más ações, a violência, aos crimes e aos vícios. Notaram, sem compreender, que a Terra e seus habitantes estão em processo de transformação profunda, que o Planeta agita-se em catástrofes cada vez mais intensas, e sua população cada vez mais descrente, materialista, violenta.
Os mesmos que enxergam o óbvio, ainda não conseguiram definir-se como joio ou trigo; contudo, serão arrastados ao exílio, pois somente é classificado de trigo a criatura que cristianizou-se na prática sincera das Lições do Cristo.
Permanecer nas zonas da "dúvida", arrasta a criatura para o lado dos esquerdistas, disto não tenhais dúvidas.
Nota*: Astro Higienizador = Astro Intruso = Hercólubus


Parte 2

A fé cega, estimulada pelos falsos profetas, arrebatará muitas almas ao exílio, junto com os seus condutores religiosos.
Multiplicam-se as doenças, os desvios morais, as taras, a fome, a miséria e o materialismo, características das humanidades atrasadas em "final de ciclo planetário".
Aqueles que se encontram nas zonas abaixo do Evangelho do Cristo, pressentindo o fim das oportunidades para permanecerem saciando seus desejos vis, debatem-se, mergulhando mais fundo nos desvios e tendências imorais, tornando o ambiente planetário sufocante e opressor para os seguidores dos Ensinamentos de Jesus.
Estes devem fazer maiores esforços para manterem-se em níveis elevados que garanta sua libertação, pois é um trabalhador de última hora que se negou ao trabalho na Seara Divina, por tempo demasiadamente longo.
Definem-se claramente os dois campos de lutas desta etapa final da "transição planetária": o campo da Luz com número reduzido de criaturas, mas com uma potência e força imbatíveis; e o campo das Trevas repleto e abarrotado de seres humanos rebeldes, deformados, decaídos em sua moral e que serão impotentes para impedir o avanço da Luz e sua expansão natural. À medida que o Planeta adentra nova dimensão, eles serão incapazes de impedir o próprio exílio planetário.
A cada dia tornam-se mais ferozes os confrontos entre os Seres da Luz, contra os Seres das Trevas, pois a Besta envia o seu seleto exército, treinado sob sua supervisão, e forjados na escuridão do seu reino.
Irmãos, o Ciclo de Expiação e Provas entra em declínio, e as etapas finais serão marcadas pela força das lutas intensas que travais em vosso íntimo, para merecerdes ascender a um Mundo Melhor.
Do Mestre que vos ama,
Ramatis


Ao GESJ:


O ASJ atrai os servidores do mal que tentam apagar sua Luz, porém, assim deve ser, pois quanto mais se aproximam, mais facilmente são aprisionados e levados para as Naves Prisão, porque se tivésseis que arrancá-los das zonas escuras onde habitam, vossos sofrimentos na matéria seriam maiores.
Sois as "iscas vivas" para atrair aos campos de lutas, os servos da Besta.
Jesus nos guia e Sua Luz protege vossos corpos. Não perecereis se não for da Vontade Maior do Pai, pois nenhuma criatura das trevas terá o poder de interceptar vossos passos, impedindo-vos de cumprir vosso carma.
Salve a Força! Salve a Luz!
Salve o Divino Mestre Jesus!
Ramatis


GESH – 18/06/2011 – Vigília Abrigo Servos de Jesus – Vila Velha, ES – Brasil
http://minhamestria.blogspot.com/

Fonte: http://avivarconsciencia.blogspot.com/2011/06/os-tres-dias-de-escuridao-marcarao-as.html

Permita-se ser imperfeita . . .


'Eu não sirvo de exemplo para nada, mas, se você quer saber se isso é possível, me ofereço como piloto de testes. Sou a Miss Imperfeita, muito prazer. A imperfeita que faz tudo o que precisa fazer, como boa profissional, mãe, filha e mulher que também sou: trabalho todos os dias, ganho minha grana, vou ao supermercado, decido o cardápio das refeições, cuido dos filhos, telefono sempre para minha mãe, procuro minhas amigas, namoro, viajo, vou ao cinema, pago minhas contas, respondo a toneladas de e mails, faço revisões no dentista, mamografia, caminho meia hora diariamente, compro flores para casa, providencio os consertos domésticos e ainda faço as unhas e depilação!
E, entre uma coisa e outra, leio livros.
Portanto, sou ocupada, mas não uma workaholic.
Por mais disciplinada e responsável que eu seja, aprendi duas coisinhas que operam milagres.
Primeiro: a dizer NÃO.
Segundo: a não sentir um pingo de culpa por dizer NÃO.
Existe a Coca Zero, o Fome Zero, o Recruta Zero.
Pois inclua na sua lista a Culpa Zero.
Quando você nasceu, nenhum profeta adentrou a sala da maternidade e lhe apontou o dedo dizendo que a partir daquele momento você seria modelo para os outros..
Seu pai e sua mãe, acredite, não tiveram essa expectativa: tudo o que desejaram é que você não chorasse muito durante as madrugadas e mamasse direitinho.
Você não é Nossa Senhora.
Você é, humildemente, uma mulher.
E, se não aprender a delegar, a priorizar e a se divertir, bye-bye vida interessante. Porque vida interessante não é ter a agenda lotada, não é ser sempre politicamente correta, não é topar qualquer projeto por dinheiro, não é atender a todos e criar para si a falsa impressão de ser indispensável. É ter tempo.
Tempo para fazer nada.
Tempo para fazer tudo.
Tempo para dançar sozinha na sala.
Tempo para bisbilhotar uma loja de discos.
Tempo para sumir dois dias com seu amor.
Três dias..
Cinco dias!
Tempo para uma massagem..
Tempo para ver a novela.
Tempo para receber aquela sua amiga que é consultora de produtos de beleza.
Tempo para fazer um trabalho voluntário.
Tempo para procurar um abajur novo para seu quarto.
Tempo para conhecer outras pessoas.
Voltar a estudar.
Tempo para escrever um livro que você nem sabe se um dia será editado.
Tempo, principalmente, para descobrir que você pode ser perfeitamente organizada e profissional sem deixar de existir.
Porque nossa existência não é contabilizada por um relógio de ponto ou pela quantidade de memorandos virtuais que atolam nossa caixa postal.
Existir, a que será que se destina?
Destina-se a ter o tempo a favor, e não contra.
A mulher moderna anda muito antiga. Acredita que, se não for super, se não for mega, se não for uma executiva ISO 9000, não será bem avaliada. Está tentando provar não-sei-o-quê para não-sei-quem.
Precisa respeitar o mosaico de si mesma, privilegiar cada pedacinho de si.
Se o trabalho é um pedação de sua vida, ótimo!
Nada é mais elegante, charmoso e inteligente do que ser independente.
Mulher que se sustenta fica muito mais sexy e muito mais livre para ir e vir. Desde que lembre de separar alguns bons momentos da semana para usufruir essa independência, senão é escravidão, a mesma que nos mantinha trancafiadas em casa, espiando a vida pela janela.
Desacelerar tem um custo. Talvez seja preciso esquecer a bolsa Prada, o hotel decorado pelo Philippe Starck e o batom da M.A.C.
Mas, se você precisa vender a alma ao diabo para ter tudo isso, francamente, está precisando rever seus valores.
E descobrir que uma bolsa de palha, uma pousadinha rústica à beira-mar e o rosto lavado (ok, esqueça o rosto lavado) podem ser prazeres cinco estrelas e nos dar uma nova perspectiva sobre o que é, afinal, uma vida interessante'


Martha Medeiros - Jornalista e escritora
(Texto na Revista do Jornal O Globo)

terça-feira, junho 28, 2011

A derrubada do Muro das Lamentações Pessoais

Tome posse dos desejos que mais tomam conta do seu tempo.
Faça de cada um deles, um motivo a mais para lutar.
Pegue a vida com coragem e determinação, sem olhar para as barreiras.
Alias, saiba que cada uma das dificuldades encontradas,são na verdade pequenos testes de merecimento,"quanto mais você vence, mais se faz merecedor da vitória."
Por isso, não espere nada de mãos beijadas.
Lembre-se que o que cai do céu não são facilidades,mas, por vezes, o aumento das barreiras,é a chuva incessante, é a neve paralisante,e até a titica do passarinho que "esvaziou" na sua cabeça.
Sim, o mundo é cheio de complicações,e a cada dia, mais difícil o seu entendimento; por isso, nada de ficar encostado no muro das lamentações,a vida pede ação e contempla cada um com reações semelhantes,ou seja, colhemos o que plantamos,e normalmente, quando plantamos mal,colhemos aquele mal dobrado, parece que centuplicado.
Já o bem, quase sempre, vem na exata medida das nossas necessidades.
Por que nossos sonhos ainda são pequenos, nossos desejos são contidos, nossas declarações de amor são tímidas demais.
Precisamos urgentemente fazer de cada dia uma lição,uma explosão de força, euforia e determinação,que arrepente com as muralhas do medo,que estoure com os portões da indecisão,que exploda as paredes das coisas pequenas,das mesquinharias, do "inho", coitadinho,menininho, pobrezinho, tadinho...
CHEGA! de tantos diminutivos!
Você é grande!
Foi feito para as grandezas de um mundo tão grande.
É tempo de sacudir a poeira e fazer de novo, tudo novo.
Tempo de derrubar o seu "muro das lamentações",e ser plenamente realizado.


Paulo Roberto Gaefke
Fonte: http://saintgermanchamavioleta.blogspot.com/2011/06/derrubada-do-muro-das-lamentacoes.html

O SIGNIFICADO DAS 150 SALMOS E SUA APLICAÇÃO PRÁTICA

O povo de Israel superou na lírica todos os outros povos. Cantou desde Moisés até Cristo. Os salmos são hinos sagrados por meio dos quais o povo de Deus costumava louvar o Altíssimo, implorar Sua misericórdia, agradecer benefícios recebidos e recordar prodígios de Sua paternal providência em favor de Israel. Foram compostos por diversos escritores sagrados, sendo David o autor de sua maior parte.
Os hebreus denominavam esses cantos THEHILLIM (hinos)que mais tarde passaram a se chamar SALMOS, por serem cantados ao som de um instrumento que os gregos davam o nome de SALTÉRIO. Por este motivo, toda a coleção composta de 150 hinos que formavam o livro de orações da Sinagoga, que os legou à Igreja, chamou-se SALTÉRIO ou SALMOS.
É inegável e indiscutível o poder das orações e assim acontece também com relação aos salmos. É sabido que muitas pessoas conseguem graças extraordinárias apenas com a fervorosa leitura dos salmos. Cada salmo se presta a uma ou algumas finalidades. Vamos apreciar uma relação completa mostrando os objetivos que estarão apontados para o(s) salmo(s) que deve(m) ser lido(s).


OS SALMOS E SEUS SIGNIFICADOS


Salmo 1 – Para auxiliar as pessoas que estão determinadas a alcançar um objetivo especial em suas vidas.
Salmo 2 – Para iluminar as pessoas que precisam se agarrar a uma força maior em um momento de dor, abrir a visão, intuição, clarividência e poder de cura, restabelece a harmonia, recupera os direitos e a dignidade.
Salmo 3 – Para fortalecer o espírito e a mente e para ajudar a realizar trabalhos difíceis.
Salmo 4 – Para aliviar o coração e a alma das angústias da vida e vencer honestamente causas judiciais.
Salmo 5 – Para sentir a presença de Deus em todos os momentos e para afastar energias negativas.
Salmo 6 – Para receber as graças necessárias, para ter uma vida tranqüila e receber auxilio nas horas de provações. Afasta a tristeza; domina as viagens.
Salmo 7 – Para livrar o ambiente de energias negativas, pedir proteção e afastar a inveja e os problemas que impedem a felicidade a dois. Faz descobrir a verdade, a inocência e desmascara os inimigos. Para obter socorro rápido (6 e 7).
Salmo 8 – Para receber revelações através dos sonhos e para combater o desânimo e a depressão. Para a insônia.
Salmo 9 – Para manter a esperança sempre viva, principalmente nos casos de doenças graves. Faz revelações através dos sonhos; descobre a vocação.
Salmo 10 – Para trazer alívio nos momentos de solidão, desamparo e dor.
Salmo 11 – Para anular as influências negativas, conquistar justiça e paz interior. Faz as pessoas acreditarem em seu potencial.
Salmo 12 – Para viver um grande amor repleto de compreensão, demonstrações de carinho e livre de falsidades. : Ajuda a combater os vícios.
Salmo 13 – Para fortalecer a fé, proteger contra ataques de animais venenosos e ataques cardíacos.
Salmo 14 – Para obter auxílio do próximo nos momentos de intrigas e aproximações enganosas.
Salmo 15 – Para desembaraçar negócios complicados, como divórcios, paternidade e heranças. Ajuda a encontrar objetos desaparecidos.
Salmo 16 – Para receber um conselho certo em uma decisão importante, como novos negócios, sociedades ou casamento. Ajuda a combater os vícios.
Salmo 17 – Para estar mais ligado a Deus, receber uma graça no campo afetivo ou profissional. Faz obter a vitória sobre uma ação.
Salmo 18 – Para agradecer uma bênção alcançada, como a cura de uma doença, a obtenção de conhecimentos e o desenvolvimento de dons naturais.
Salmo 19 – Para iluminar a intuição, atrair a sorte e o êxito em todos os setores da sua vida.
Salmo 20 – Para proporcionar grandeza à alma e, trazer tranqüilidade ao espírito e equilíbrio ao corpo.
Salmo 21 – Para aumentar a sintonia entre os casais, promover a felicidade conjugal e afastar as traições.
Salmo 22 – Para estimular a força de vontade diante das provações apresentadas pela vida.
Salmo 23 – Para afastar as aflições do espírito, as pessoas falsas e para conquistar um coração mais puro.
Salmo 24 – Para fortalecer a fé e obter a misericórdia de Deus, pedindo proteção contra os seus inimigos.
Salmo 25 – Para sintonizar à distância pessoas e objetos desaparecidos, que se deseja encontrar e não se sabe onde estão.
Salmo 26 – Para acalmar os nervos, afastar o medo e se proteger contra traições e ataques de inimigos.
Salmo 27 – Para descobrir falsos amigos e pessoas que costumam atacar injustamente.
Salmo 28 – Para adoração e temor a Deus a para ter luz e proteção nos seus caminhos.
Salmo 29 – Para reconhecer todo o poder e a glória de Deus e para respeitar pais e idosos. Ajuda a restabelecer a saúde. Ajuda a manter o respeito entre pais e filhos e restabelece o amor paterno e filial.
Salmo 30 – Para captar as mensagens transmitidas pelos salmos e obter grandes vitórias. Protege contra os caluniadores; protege contra os feitiços e o poder dos maus espíritos.
Salmo 31 – Para conquistar a liberdade, eliminar as falhas e aumentar o amor dentro do coração.
Salmo 32 – Para viver em harmonia com todos ao seu redor e para evitar cometer os mesmos erros. Ajuda a encobrir algo importante para que não seja descoberto.
Salmo 33 – Para desempenhar bem o papel dado por Deus e cumprir as suas tarefas com boa vontade e alegria. Ajuda a aprender tudo mais facilmente e a desempenhar as tarefas que lhe são exigidas.
Salmo 34 – Para proteger as pessoas perseguidas injustamente, como pobres, idosos e menores abandonados.
Salmo 35 – Para proteger os animais contra o extermínio, os cativeiros, os maltratos e a extinção.
Salmo 36 – Para agilizar as mudanças referentes à obtenção de ganhos, novos negócios e para acelerar processos judiciais. Ajuda a efetuar as mudanças com harmonia.
Salmo 37 – Para receber graças no casamento, na maternidade e para ter prosperidade em todos os campos. Fortalece a memória.
Salmo 38 – Para alcançar a libertação, elevando a espiritualidade e preservando a paz interior.
Salmo 39 – Para ter sucesso em concursos públicos, vestibulares ou seleção para empregos. Aguça inteligência – ajuda a ganhar concurso público.
Salmo 40 – Para receber auxílio nos momentos de sofrimento, como perdas de pessoas queridas, separações dolorosas ou traições.
Salmo 41 – Para trazer muita luz e paz ao amor e favorecer os passeios e as diversões.
Salmo 42 – Para trazer mais paz de espírito e atrair a proteção e a glória de Deus.
Salmo 43 – Para atrair energias positivas, estimular a fertilidade e desenvolver a compreensão.
Salmo 44 – Para estimular a confiança, a fé e a paciência, a fim de proporcionar clareza de expressão.
Salmo 45 – Para superar as dificuldades e atrair sorte nos campos profissional, emocional e espiritual.
Salmo 46 – Para agradecer bênçãos, vitórias, um amor verdadeiro e alegria alcançados.
Salmo 47 – Para afastar aflições do relacionamento afetivo e conservar as amizades sinceras.
Salmo 48 – Para atrair sabedoria nos momentos de decisão, fortalecer a espiritualidade e afastar o medo da morte.
Salmo 49 – Para a preservação da natureza: florestas, campos, jardins e espécies em extinção
Salmo 50 – Para receber o perdão de Deus e fortalecer a sabedoria e a humildade.
Salmo 51 – Para usar de maneira correta o talento, a popularidade e a sabedoria para se destacar.
Salmo 52 – Para se prevenir contra opressão, tristeza, descrença e qualquer tipo de maldade.
Salmo 53 – Para afastar as pessoas perigosas, invejosas ou que desejam fazer mal aos outros. Proporciona fé e combate a descrença.
Salmo 54 – Para se proteger contra as perseguições de inimigos, medos, perda de memória, fraudes e mentiras.
Salmo 55 – Para afastar inimigos impiedosos e que insistem em destruir as boas causas.
Salmo 56 – Para pedir misericórdia e lutar contra injustiças, tristezas e todos os tipos de energias negativas.
Salmo 57 – Para impedir a entrada de falsidades, mentiras, miséria, medos e dúvidas na sua vida.
Salmo 58 – Para se proteger de ladrões, assassinos, bandidos e todo tipo de opressão.
Salmo 59 – Para afastar as tristezas trazidas por tragédias no bairro, na cidade, no país e no mundo em geral.
Salmo 60 – Para auxiliar nas causas políticas em favor da Humanidade, afastar os inescrupulosos e iluminar os chefes de países.
Salmo 61 – Para a nação conservar a boa reputação, conquistar o reconhecimento merecido, preservar a saúde e favorecer os governantes, de acordo com a vontade divina.
Salmo 62 – Para viver em abundância, atraindo muita chuva e fertilidade para a terra, favorecendo as colheitas.
Salmo 63 – Para pedir proteção contra mentiras, maldades, vingança e pactos diabólicos.
Salmo 64 – Para esclarecer verdades ocultas e revelar mistérios que bloqueiam os caminhos para o sucesso.
Salmo 65 – Para combater tristezas e amarguras, ansiedade, depressão e desinteresse pela vida.
Salmo 66 – Para rogar por justiça e pelo recomeço de uma vida normal após longos períodos de batalha.
Salmo 67 – Para atrair a prosperidade às empresas, lavouras e aos trabalhadores.
Salmo 68 – Para auxiliar na realização de trabalhos difíceis e obtenção de vitória sobre os adversários.
Salmo 69 – Para ter sucesso em tratamentos médicos e cirurgias complicadas.
Salmo 70 – Para superar humilhações, proporcionando auto-estima, confiança e força moral. Ajuda a restabelecer a saúde. Livra do desgosto, do desespero e ajuda a ter paciência.
Salmo 71 – Para atrair paz e justiça para todos, visando a fraternidade, a liberdade e a abundância para todas as nações.
Salmo 72 – Para auxiliar o tratamento das doenças dos membros, dos rins e do coração. Combate problemas mentais e vícios em geral.
Salmo 73 – Para se defender de pessoas desonestas, maus espíritos e tristezas causadas por eles.
Salmo 74 – Para combater a tristeza, a ansiedade, as angústias e dormir com tranqüilidade.
Salmo 75 – Para trazer o fim de tantas batalhas, guerras pessoais, tiranias e poder que bloqueiam o progresso e a paz.
Salmo 76 – Para conquistar o amor, viver feliz e sem as preocupações e perturbações que entristecem a alma.
Salmo 77 – Para atrair o equilibrio entre corpo e espírito, alcançar a sabedoria e descobrir a verdadeira vocação.
Salmo 78 – Para afastar o desespero, a impaciência, a ansiedade e atrair a alegria de viver.
Salmo 79 – Para ser valorizado em seu trabalho e se destacar pelas suas capacidades. Ajuda a se destacar profissionalmente e reconhecerem o seu talento.
Salmo 80 – Para se proteger contra calúnias, feitiços e combater as energias negativas.
Salmo 81 – Para obter a vitória sobre os inimigos, restabelecer a paz entre as pessoas e fortalecer os justos.
Salmo 82 – Para ajudar a Humanidade a se livrar das explorações religiosas, do radicalismo e do fanatismo.
Salmo 83 – Para acalmar os corações de líderes radicais, criminosos, pessoas invejosas e malvadas.
Salmo 84 – Para abençoar os doentes que estão hospitalizados e as pessoas que perderam a esperança.
Salmo 85 – Para obter a luz enviada por Deus e clarear todos os seus caminhos rumo ao sucesso.
Salmo 86 – Para receber apoio de amigos, chefes, familiares, pessoas influentes e também dos anjos.
Salmo 87 – Para comemorar as graças recebidas, as vitórias alcançadas e o sopro de vida recebido diariamente. Faz descobrir a verdade e as coisas ocultas. Ajuda a obediência aos pais. Proporciona a divulgação em jornais e revistas.
Salmo 88 – Para adquirir forças para enfrentar problemas relacionados ao trabalho, à saúde ou ao amor.
Salmo 89 – Para alcançar mais sabedoria para obter sucesso no seu trabalho e vencer os obstáculos da vida. Ajuda a ser bem sucedido nos empreendimentos e negócios. Atrai os bons sortilégios
Salmo 90 – Para pedir luz e proteção para alcançar os objetivos referentes à vida afetiva e profissional. Protege contra os assaltos (Este salmo pode ser escrito de próprio punho e colocado atrás ou em cima da porta de entrada da residência, ou no carro). Ajuda a descobrir erros e mentiras.
Salmo 91 – Por ser o mais poderoso dos Salmos pode ser usado para todas as horas de necessidade, para agradecer e pedir proteção para tudo e todos. É o mais esotérico dos Salmos. Resolve qualquer tipo de problema.
Salmo 92 – Para conquistar disposição e concentração para os esportes, fortalecendo o espírito esportivo.
Salmo 93 – Para viver bem dentro da comunidade, com paz, alegria, compreensão, carinho e muito respeito. Ajuda a não se sentir humilhado; ajuda a conviver em paz com as pessoas.
Salmo 94 – Para se livrar de espíritos ruins, más influências de pessoas invejosas, aproximação de desafetos e energias negativas.
Salmo 95 – Para fortalecer o corpo e a alma, e aumentar a alegria de viver e a paz interior. Retira todos os tipos de miasmas.
Salmo 96 – Para agradecer as bênçãos recebidas, divulgando a graça e expandindo as vitórias para todos.
Salmo 97 – Para manter as amizades sempre fortes, aumentando a harmonia, a fraternidade, o entusiasmo e a compreensão. Ajuda a reconciliação conjugal.
Salmo 98 – Para ter sempre a presença dos anjos e santos, respeitando o nome de Deus e observando as suas obras e bênção para a humanidade.
Salmo 99 – Para obter a misericórdia de Deus, conscientizar a mente e purificar o coração das pessoas.
Salmo 100 – Para fortalecer a justiça e favorecer os bons acontecimentos na vida das pessoas.
Salmo 101 – Para amparar as mães que desejam ter filhos, as que tem filhos com problemas mentais ou deficiências físicas e as que tem filhos com problemas com drogas ou outros vícios.
Salmo 102 – Para as pessoas idosas que necessitam de paciência e disposição para realizar serviços ou para praticar alguma atividade. Ajuda a permanecer no emprego.
Salmo 103 – Para alívio nos momentos de desespero, como tempestades, trovoadas e vendavais.
Salmo 104 – Para atrair sucesso e riqueza nos negócios e no trabalho e para receber alguma herança até então impedida de ser repassada. Faz conhecer a verdade nos processos.
Salmo 105 – Para exercer o domínio sobre a fortuna, a fama, a diplomacia, os negócios, as viagens e sobre si mesmo. Ajuda a conservar a saúde e a curar as doenças.
Salmo 106 – Para sanar necessidades, como a fome, a sede, a miséria, a ignorância, a opressão, a angústia e o desgosto pela condição de vida.
Salmo 107 – Para evitar invasões na privacidade, na consciência, na moradia e no mais profundo e sagrado local do amor: o coração.
Salmo 108 – Para afastar as energias negativas de pessoas mentirosas, caluniadoras, invejosas e maquiavélicas. Auxilia a confundir os maus e a livrar-se daqueles que querem nos oprimir. Proporciona a paz.
Salmo 109 – Para buscar a Deus nos momentos de aflição, como doenças, cirurgias e resultado de exames, provas e concursos.
Salmo 110 – Para se livrar de assuntos angustiantes, como as tristezas, os males do corpo, da mente e da alma, desarmonias e desafetos.
Salmo 111 – Para aquecer o coração e a alma com muito amor e carinho, atrair a felicidade e os bons momentos ao lado de alguém especial.
Salmo 112 – Para fazer novos amigos e formar fortes laços de companheirismo, ajuda e parceria. Ajuda os filhos a obedecerem aos pais.
Salmo 113 – Para desenvolver virtudes, como bondade, misericórdia, compreensão, humildade e compaixão. Ajuda a obter prosperidade, auxilia a boa convivência entre o empregado e o patrão.
Salmo 114 – Para celebrar as obras do criador, saber demonstrar gratidão e atrair prosperidade para a sua vida. Mantém a harmonia na família, resolver as questões de heranças e a encontrar o parceiro ideal.
Salmo 115 – Para afastar a mentira, a paixão não correspondida, o ciúme infundado e atrair a fé, a esperança e o amor.
Salmo 116 – Para invocar Deus e os anjos, e conservar a paz entre as pessoas, principalmente entre os casais.
Salmo 117 – Para fortalecer a sua fé no Criador e receber a proteção Divina, suportar as provocações da vida e alcançar o sucesso.
Salmo 118 – Para favorecer a nobreza de caráter, mantendo a harmonia interior, a compreensão e a obediência às leis de Deus. Auxilia a ganhar um processo judicial – torna os juizes favoráveis – favorece as pessoas que desejam ingressar na carreira política – favorece as viagens instrutivas e a encontrar o emprego desejado ou a montar a sua própria empresa.
Salmo 119 – Salmo especial para louvar ao Senhor e para a realização de todos os seus sonhos no campo do amor, do trabalho e das finanças. Ajuda a combater os inimigos da religião.
Salmo 120 – Para se manter no emprego e atrair prosperidade para os negócios. Protege as viagens e ajuda a viajar com segurança-ajuda a não ter medo da vida.
Salmo 121 – Para obter a graça Divina, buscando fortalecer e iluminar a sua espiritualidade.
Salmo 122 – Para eliminar energias negativas no ambiente, que causam tormentos espirituais e espalham tristezas.
Salmo 123 – Para facilitar a vida de casais que se separam, restabelecendo a paz, a confiança e fazendo brotar o sentimento de amizade e gratidão.
Salmo 124 – Para afastar paixões desenfreadas por pessoas erradas, envolvimento com viciados e dividas com agiotas.
Salmo 125 – Para consolar as pessoas tristes, aflitas, presas ou em situações difíceis de diversas ordens.
Salmo 126 – Para proteger a família e todos os bens possuídos, como a casa, o carro, aparelhos domésticos e profissionais.
Salmo 127 – Para atrair um grande amor repleto de virtudes, como honestidade, confiabilidade, inteligência e companheirismo.
Salmo 128 – Para fortalecer a sua fé em Deus, afastar o mal e vencer os inimigos.
Salmo 129 – Para se livrar das traições e dos traidores e alcançar a harmonia e a compreensão para viver em paz.
Salmo 130 – Para alcançar o perdão e se proteger contra as agressividades, evitando também ofender e magoar as pessoas. Ajuda a manter a harmonia e a compreensão entre as pessoas.
Salmo 131 – Para se livrar do orgulho e aprender a viver com humildade, praticando e repassando conhecimentos para os necessitados.
Salmo 132 – Para manter o equilibrio e o pensamento firme nas orações, conservando a fé e a certeza de que tudo passa e que a vida permanecerá.
Salmo 133 – Para alcançar a cura de doenças nos olhos e nos órgãos vitais, tanto em adultos como em crianças.
Salmo 134 – Para agradecer a Deus pelas suas dádivas, pela vida e para pedir proteção dos animais e pela união dos povos.
Salmo 135 – Para se livrar dos invejosos, fazendo com que encontrem meios de concretizar seus sonhos.
Salmo 136 – Para suportar a tristeza nos casos de perdas de pessoas queridas, doenças graves, mágoas e humilhação.
Salmo 137 – Para diminuir a saudade, afastar as mágoas e fortalecer a sua espiritualidade.
Salmo 138 – Para proteção nas viagens em transportes aéreos e rodoviários, em dias conturbados e com chuva ou neblina.
Salmo 139 – Para se cercar da proteção Divina e se prevenir contra a feitiçaria, os espíritos sem luz, a calúnia e a perversidade. Auxilia a confundir os maldosos e caluniadores e a livrar-se dos inimigos.
Salmo 140 – Para ter cautela e paciência na hora de agir, falar e na convivência com as pessoas.
Salmo 141 – Para se proteger das tentações, dos inimigos disfarçados e das doenças contagiosas.
Salmo 142 – Para se livrar de aflições, desespero, tristezas e preocupações sem fundamento.
Salmo 143 – Para as pessoas queridas já falecidas, para que recebam a luz Divina e sejam encaminhadas ao descanso eterno.
Salmo 144 – Para superar as dificuldades do dia-a-dia, tomar a decisão certa e acelerar a solução de um problema complicado. Ajuda a tomar a decisão certa e a acelerar uma resposta de trabalho. Restabelece a harmonia quando estiver contrariado.
Salmo 145 – Para ter fé em Deus e confiar sem medo em suas resoluções e em seu amparo.
Salmo 146 – Para se fortalecer diante das fraquezas, do medo, das dúvidas e das desconfianças.
Salmo 147 – Para afastar ladrões, imprevistos, queda de raios e quedas perigosas de sua vida.
Salmo 148 – Para promover ação de graças, estimular o amor e agradecer pelas alegrias da vida.
Salmo 149 – Pelas vitórias alcançadas em todas as disputas apresentadas no seu dia-a-dia.
Salmo 150 – Para promover a harmonia e o respeito entre as nações, o amor entre as raças e por todas as curas em nome do Criador.


Mônica Buonfiglio

segunda-feira, junho 27, 2011

Zodíaco - Peixes (19/02 - 20/03)

Você reúne muitas qualidades e a que mais se destaca é o seu lado humano. Peixes tem o dom de despertar o amor. E olha que não precisa fazer grandes esforços para cativar. Com tanta intuição, só erra o alvo se não quiser envolver alguém em sua rede. Você é o tipo que age em silêncio, mas sabe o momento certo de entrar em cena para mostrar o que sente. Sua sensibilidade vive à flor da pele, comandando o pique de suas relações afetivas. Quando o assunto é conquista, é seu lado sensual que desperta interesse. Você curte jantares à luz de velas e dançar coladinho, mas, muitas vezes, se deixa levar pela insegurança.
É o décimo segundo signo do Zodíaco e é governado pelo planeta NETUNO. Geralmente decidem tomar um caminho mas no final acabam tomando um caminho completamente diferente. Isso pode afetar sua vida trazendo vários problemas. São flexíveis em seu ponto de vista e são super criativos, mas algumas vezes duvidam de si mesmos. A cor tradicional do signo de Peixes é o amarelo e outras cores claras.


AMOR: Dão muito de si mesmo para seus parceiros(as). Quando estão apaixonados tem a tendência de ver o mundo como um mar de rosas. Muitas vezes se iludem por causa disso. Precisam se proteger mais, manter seus pés no chão e principalmente não deixar ser iludido pelas aparências. Normalmente idealizam seus parceiros na pessoa que está gostando, impedindo-os de ver a personalidade da pessoa que está amando.


CASA: Sua casa precisa ser tranqüila e cheia de paz. A cor azul e verde claro irão refletir sua personalidade e seu bom gosto e talvez um aquário em sua sala ajudará a trazer uma atmosfera relaxante. Gostam de viver perto da água, de uma praia ou mesmo de um lago. Se não conseguem morar perto de um mar ou de um lago, constroem seu próprio paraíso em seu jardim com uma fonte de água.


SIMBOLISMO:

Astro regente: Netuno
Elemento: Água
Condimento: Coentro e canela.
Erva: Salvia.
Metal: Platina.
Animal: Todos os tipos de peixes e golfinhos.
Cristais: Pedra da lua.
Árvores: Limão e todas árvores que crescem perto da água.
Paraíso astral: Câncer (21/6 a 21/7)
Santo: Nossa Senhora
Anjo: Asariel
Flores: Amor-perfeito e Rosa
Números: 2 e 7
Talismãs: Gato e Elefante branco
Dias: Segunda e Quinta-feira
Essências: Almíscar e Acácia
Verbo: "Eu peço"


Fonte: http://www.astral.oxigenio.com/horoscopo_zodiaco/signo_peixes.htm

Zodíaco - Aquário (21/01 - 18/02)


Para quem é de Aquário, liberdade é uma conquista diária. Expressa sua originalidade quando pode escolher entre mil opções, especialmente no amor. Nada como um lugar diferente, um programa que saia da rotina. Você detesta solidão, por isso, está sempre em busca de companhia. Quando ama, entra de cabeça, ainda mais se a pessoa que está com você divide os mesmos interesses. Você sabe compreender as necessidades de quem ama, por isso, atitudes egoístas não fazem parte do seu comportamento habitual. Na paquera, não tem dificuldade de cativar quem desperta seu interesse, pois esbanja criatividade.
É o décimo primeiro signo do Zodíaco e é governado pelo planeta URANO. O signo de Aquário é o mais enigmático e independente de todos os signos do Zodíaco. Pessoas desse signo tem um desejo incrível por uma vida única e diferente. São totalmente dedicados em alcançar a sua independência, e nem sempre tem tempo de dedicar sua vida aos seus parceiros. Pessoas desse signo tendem a ser intelectuais e teimosos. A cor tradicional do signo de Aquário é o azul e o roxo.


AMOR: Os Aquarianos são românticos e cautelosos ao mesmo tempo. Podem ser legais, glamorosos e atraentes com uma personalidade magnética. Estar apaixonado é muito importante para ele(a). Precisa ter sua privacidade e estará preparado para consegui-la a qualquer preço. Parceria para você pode significar sacrifício já que você não gosta nem um pouco de mudar seu estilo de vida. Isso pode ser um problema, sendo que muitos deles(as) não conseguem se casar ou viver muito tempo com uma pessoa.


CASA: Você possui um talento único para criar efeitos especiais em sua casa, especialmente quando se trata de luzes. São capazes de organizar suas vidas de acordo com o meio ambiente em que vivem. Se moram em uma casa pequena, darão um jeitinho para que ela se pareça grande e espaçosa. Precisam ter seu próprio espaço e não gostam de muitos móveis pela casa. Quando escolhendo mobília, irá sempre escolher os mais modernos.


SIMBOLISMO:


Astro regente: Urano
Elemento: Ar
Condimento: Canela e Pimenta.
Erva: Azeda.
Metal: Alumínio.
Animal: Todos os tipos de pássaros, especialmente os grandes (gavião).
Cristais: Água marinha e Ametista.
Árvores: Pêra e Pêssego.
Paraíso astral: Gêmeos (21/5 a 20/6)
Santo: São Paulo
Anjo: Uriel
Flores: Orquídea e Margarida
Números: 4 e 5
Talismãs: Pirâmide e Ferradura
Dias: Quarta-feira e Sábado
Essências: Violeta e Lavanda
Verbo: "Eu sei"


Fonte: http://www.astral.oxigenio.com/horoscopo_zodiaco/signo_aquario.htm
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...